(Resenha) The Boys

The Boys é uma série de televisão norte americana de super-heróis baseado na serie de histórias em quadrinhos de mesmo nome de Garth Ennis e Darick Robertson. Desenvolvido por Eric Kripke para a plataforma de streaming Prime Video, segue a equipe de justiceiros de mesmo nome que luta contra os Supers, indivíduos superpoderosos que abusam de suas habilidades.
A série estreou em 26 de julho de 2019. Antes da estréia, a Amazon renovou The Boys para uma segunda temporada, que teve início em 4 de setembro de 2020. Antes do lançamento da segunda temporada, foi anunciado que a série já estava com uma terceira temporada confirmada.
Foi adquirida pelo SBT e teve a sua primeira temporada exibida entre 5 de setembro e 24 de outubro de 2020, aos sábados, às 0h30.

Bom como sempre em minhas resenhas, depois da introdução ao assunto vamos aos finalmente do Ju-Sama.
A série é a mais fiel conexão do mundo de super heróis com o nosso mundo real, ela passa longe dos clichês final feliz da Marvel e apesar de ser uma série com temática mais dark/realista também passa longe das histórias de duas horas no meio da névoa da DC.
Capitão Pátria e sua turminha ou vão te fazer adorar a série ou o contrário, te farão a odiar, principalmente se você é muito aficionado ao mundo dos  super heróis e suas perfeições.
Eu particularmente me apaixonei pela série, quando assinei o Amazon Prime Vídeo, já estava em sua segunda temporada, os caçadores de torrents já estavam pau a pau com o que saía, mas eu queria ver desde o começo e digo uma coisa, façam isso.
Cada episódio é bem amarrado um com o outro, então se você perder algum acaba com grande parte da trama rodando em sua cabeça sem sentido.
Com certeza absoluta não é uma série para se ver em família ou com seu filho ou sobrinho que está no quintal agora vestido de homem aranha, como falei lá em cima ela é a mais fiel ligação entre o mundo dos heróis e o nosso, então tem muita mas muita violência, palavrão, sexo e tudo que nosso mundo real tem direito.
E por ser tão humanizada é sem dúvidas a melhor série de super heróis da atualidade.
Sei que vai falar que estão em uma condição mais de vilões do que de super heróis, mas tem uma força contra eles que pode ser sim classificada como super heróis de verdade.
Nessa altura do momento quase todo mundo e até mesmo você que está lendo essa matéria já assistiu, conhece alguém que assistiu ou sabe mais ou menos como anda a história, ainda mais com nosso amigo Google por ai, então o que escrever aqui não se encaixa tanto como spoiler, caso você não tenha visto ou nunca tenha ouvido falar de The Boys (que mundo você vive?) não se preocupe porque mesmo assim sua experiência assistindo a série será muito boa.

Uma série americana, com super heróis americanos em uma plataforma de streaming americana e o ponto central da série é?
Desmascarar toda a atrocidade de altos escalões tanto governamentais e privados dos EUA.
Sim uma série que detona aquele Estado Unidos que salva o mundo e todos, na verdade em The Boys algo que eu já pensava muito em minha vida foi jogado em minha cara.
Se tudo que for de ruim for fabricado por aqueles que querem ser considerados heróis?
Pois sem o mal não existe o bem.
Teorias ficam rodando em sua cabeça quando começa e pensar nisso e ver cada episódio e mesmo seguindo essa linha , muitas das vezes você solta um: “Que p.. foi essa?”
Você vendo as construções dos tais super heróis acaba rindo de tão clichês eles são, praticamente hilários e dignos de serem chacotas.
Mas quando você os compara aos personagens de outros universos, seja da Marvel ou DC ou qualquer outra, a ficha começa a cair, porque até então os super heróis patéticos de The Boys são exatamente iguais aos super heróis idolatrados de outras franquias, mas a grande diferença que os da série da Amazon tem um ingrediente a mais, o de no fundo terem sentimentos humanos.
The Boys é uma série sobre  super heróis que mostra o que há de pior nos seres humanos, acaba sendo espelho da sociedade, principalmente a americana.
Todos os pecados capitais ali apresentados mas maquiados em um herói, que no fundo nada mais é que um ser humano modificado seja no que for.
Depois de tudo isso deve estar pensando que a série é toda dark, realista, sangrenta.
E é mesmo, mas tem sua pitada de comédia, de episódios de você cair na gargalhada, a série acaba fazendo os super heróis servindo a luxuria dos sentimentos humanos.
The Boys choca alguns pelo seu realismo e por colocar figuras fantasiosas em nosso mundo de um jeito tão realista.
Aonde já se viu um super herói ter fraqueza, ganância, maldade e sentimentos desse tipo não é verdade?

Concluindo é uma ótima e interessante para se ver desse mundo dos super heróis que anda tão em alta ultimamente, não é uma série que se possa ver de cabeça fechada ou agarrado em fórmulas já existentes do gênero.
The Boys é algo para ser apreciado, degustado cada episódio e até mesmo rever quantas vezes possível, uma fórmula impactante que acaba te atraindo muito.
Não dá para viver só de mundo colorido e dark nas névoas de super heróis!
The Boys você confere na Amazon Prime Vídeo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *