(Resenha) – Se Liga no Erro!

Adaptado do mangá de Noriko Sasaki (Channel wa Sonomama!), acompanhamos a jovem Yukimaru (Kyoko Yoshine), cujo sonho era trabalhar em novelas, porém acidentalmente acaba se inscrevendo para uma vaga como repórter na HHTV. Por algum milagre, a estabanada garota é contratada

Esse foi um Dorama que acabei caindo nele de surpresa mesmo!

Naquela passada aleatória no catálogo da Netflix na parte das produções asiáticas, é difícil um Dorama me conquistar, deve ser porque os que aparecem para mim sempre acabam sendo a mesma coisa, casal romântico e blá blá..

Quando comecei pensar a assistir o “Se Liga no Erro!” eu não dava nada para ele até que li a sinopse e apertei o play!

E apertar o play foi a melhor coisa que eu fiz!

Já me conquistou pelo ritmo frenético e passar o cotidiano da vida japonesa, no caso de uma emissora local de TV Japonesa.

Eu por ser um apreciador da cultura nipônica ficava admirado em ver os bastidores de uma TV por lá e sabendo que aquilo na ficção era meio que a realidade de tudo.

Antes de vir escrever essa minha resenha, procurei por umas na internet, poucas achei do Brasil e as que achava estavam mais detalhando o Dorama com jargões técnicos, também tinha as que descreviam tudo, mas tudo mesmo, spoiler na cara dura, como se você leitor não fosse capaz de ir ver o Dorama quando quisesse e entenderia.

É algo que sempre falo, não assista produções orientais com olhos de produções ocidentais.

Você acaba falando besteiras que como não consome produções asiáticas principalmente as japonesas, como eu li em uma resenha que o Dorama era meio infantil pelos mascotes dos canais de TV.

Sério? Se chocou com mascotes?

Mascotes no Japão???

A terra que para cada espirro tem um personagem?!?!

A trama em si do Dorama é simples e bem caricata como toda obra japonesa tem que ser.

Então fica fácil identificar cada um, tanto os mocinhos quanto os vilões e mesmo tendo apenas uma temporada sendo composto por 5 episódios você consegue entender o contexto e algumas mini traminhas de cada personagem que se desenrolam junto com a principal que é da nossa toda atrapalhada Yukimaru e seu dia dia na HHTV.

Outra coisa que achei muito legal e no momento que assistia não sabia que era uma adaptação de mangá, são os efeitos dos famosos quadrinhos japoneses na tela, como descrição de pensamento do personagem, ou da cena principalmente quando era cômica.

Outro ponto positivo é que explica muita coisa do funcionamento de uma TV, mesmo que pequena lá no Japão e sem sombra de dúvidas o Dorama foi gravado em uma, pois toda a estrutura, o maquinário era perfeitamente de uma TV.

Assim entendi como quando vejo canais pequenos do Japão, sinto tudo grande, tudo espetaculoso mesmo sendo uma TV bem pequena, é o lema do Japão né!

Não importa se é uma TV grande ou pequena, tem que ser bem feito para não distinguir uma da outra.

Fora toda essa técnica de bastidores de TV, as traminhas dos personagens, não tem como não se apaixonar pela Yuki, mesmo atrapalhada em tudo, sua garra, sua alegria, seu otimismo acaba te fazendo torcer por ela sempre e claro dar bastante risada pelos gritos dela a cada segundo do Dorama.

E graças a ela o canal escapou de perder suas produções regionais e só transmitir enlatado da emissora a qual é afiliada.

Acredita que ela..não vou contar não!

Sem spoiler por aqui!

Se você gosta de produções japonesas de comédia pastelão mas com aquela pitada de drama pessoal “Se Liga no Erro!” é a pedida!

Disponível na Netflix!

Bem que poderia ter mais uma temporada né?!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *